Homenagem do Professor José da Conceição Meira ao Centro Social Mali Martin

WhatsApp Image 2020-09-23 at 11.08
WhatsApp Image 2020-09-23 at 11.08.18
WhatsApp Image 2020-09-23 at 11.08

 

A privilegiada Itamarandiba tem a honra e o prazer de ter sido, garimpada pelas mãos de pessoas altruistas, como o Sr. Peter Martin, que em dezembro do ano de 2004, idealizou tão avantajada obra para a nossa querida cidade. Foram memoráveis os ganhos com os quais a nossa Terra fora presenteada.

Em meio a desigualdade social, em que tantas cidades vizinhas e tantas outras das nossas gerais, são acometidas por desastres sociais, envolvendo a classe desamparada e sofrida, bem como a extensão de mazelas vivenciadas pelas nossas crianças e adolescentes, sentimo-nos, nós, itamarandibanos, como que patrocinados e abençoados pelas mãos Divinas do Criador, por tão benfazeja obra, semeada no torrão das nossas gerais. Quantas vidas foram salvas?

Quantos caminhos endireitados?

Quantos passos alcançaram seus objetivos?

Quantas mães descansaram aliviadas?

Quantos pais foram labutar com a consciência tranquila? Quantas bocas foram alimentadas?

Quantas mentes foram abertas?

Quantas cabeças puderam melhor raciocinar?

Quantos membros do corpo puderam melhor exercitar o esporte?

Quantas mãos puderam costurar os seus sonhos?

Quantas palavras foram ditas em poesia falada e em poesia cantada?

Quanto aprendizado as aulas de ética, ensinaram?

Quantas mãos escreveram maravilhosos textos endereçados aos pais, à família, à sociedade, aos amigos e aos mais variados cantos, onde puderam chegar?

Quantos encontros foram aqui registrados?

Quantas pessoas aqui foram formadas, informadas e capacitadas?

Quanta mão- de -obra aqui, foi e é alicerçada todos os dias no genuino trabalho de amor e doação?

Ah! Se eu pudesse viver minha infância e adolescência novamente... Na próxima, trataria de ser aluno do Centro Social Mali Martin.

Adentraria os jardins deste verdadeiro palácio real e sobevoaria as suas diversas naturezas, para então, mergulhar na sabedoria dos seus ensinamentos, tendo aprendido todas as lições desta grande Casa e depois, sairia distribuindo sementes colhidas nos variados terrenos do conhecimento de tão valioso educandário, o qual, eu nomino de Centro Social Mali Martin.

 Ah! Se eu pudesse viver mais uma vez, nesta extraordinária, pacata e calorosa cidade de Itamarandiba, viajaria mais vezes para a biblioteca do Centro Social Mali Martin. Trataria de assistir e presenciar as mais variadas oficinas aqui desempenhadas. Daria mais voltas nas quadras e jardins desta monumental fábrica de sonhos, para aprender a disciplina evolutiva que os esportes aqui ministrados, tem a nos ensinar. Contemplaria mais os amanheceres e os pôres de sol, desta grande Escola, na Construção de todos os dias, dos nossos pequenos/grandes cidadãos que, aqui são recebidos diariamente pelos gestores, professores, educadores, ajudantes gerais e por toda a equipe desta zelosa Casa, na construção do amor aos filhos de Itamarandiba e das gerais.

 Mas, já viram, tenho 54 anos, não posso mais ser criança com desejo de aprender o caminho de ir para o Centro Social Mali Martin e aprender coisas novas todos os dias... Pois ao contrário de vocês, crianças de Itamarandiba, aprendi a amar e desejar esse maravilhoso lugar.

 Acreditem!Aqui, eu quero ficar...

©. All rights reserveds Centro Social Mali Martin, since 2013.

  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • YouTube